Amazon confirma que funcionário de Seattle está em quarentena com coronavírus


  

Um funcionário da Amazon em Seattle testou positivo para o coronavírus COVID-19, como relatou pela primeira vez por The New York Times . "Estamos apoiando o funcionário afetado que está em quarentena", disse a empresa The Verge em comunicado.

O funcionário é baseado no edifício "Brazil" (SEA53) da empresa, de acordo com um memorando interno enviado aos funcionários da Amazon e obtido por The Verge . Eles voltaram para casa se sentindo mal na terça-feira, 25 de fevereiro e não voltaram às instalações da Amazon desde então. A Amazon notificou funcionários que estiveram em contato próximo com a pessoa.

No início desta semana, a Amazon confirmou que dois de seus funcionários na Itália haviam contraído o vírus e estavam em quarentena. A empresa já solicitou que seus quase 800.000 funcionários interrompam viagens não essenciais nos EUA e em outros lugares. A Amazon também teve que lidar com manipulação de preços e informações erradas em seu mercado após o surto de vírus.

Nove pessoas morreram no estado de Washington devido ao novo coronavírus – e é o único local nos EUA em que ocorreram mortes. Há um surto contínuo do vírus na vizinha Kirkland, Washington, onde se espalhou entre os residentes de uma unidade de enfermagem.

O vírus pode estar se espalhando sem ser detectado em Washington por seis semanas, de acordo com com uma análise genética . A propagação não foi notada até a semana passada porque os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA não estavam testando pessoas sem exposição conhecida à doença.



Source link



Os comentários estão desativados.