Anúncios de Street Fighter V são temporariamente removidos do jogo

Os anúncios estranhamente intrusivos da edição “Arcade” de Street Fighter V foram removidos. Pelo menos por enquanto. Implementados no início de dezembro em uma atualização, os adesivos começaram a aparecer nos uniformes dos personagens e nos cenários do longevo jogo de luta da Capcom, rendendo críticas de fãs e especialistas.

Segundo o produtor da franquia, Yoshinori Ono, a publisher japonesa decidiu por removê-los após feedback da comunidade e está atualmente estudando formas melhores de exibi-los dentro do jogo. Ou seja, eles vão voltar. “Nós damos muito valor e agradecemos bastante à nossa comunidade por oferecer feedback sobre a função ‘Conteúdo Patrocinado’ de Street Fighter 5: Arcade Edition”, disse o produtor no Twitter. “Nós vamos continuar a ouvir o feedback de todos e considerar como podemos aprimorar essa nova função para jogadores no futuro”.

Desde o início desta semana, as costas do quimono de Akuma não mostram mais o logo da Capcom Pro Tour. O mesmo logotipo era exibido como tatuagem em um dos braços de Guile. Além disso, uma imagem que compartilhamos no Canaltech mostrava o logo da competição de eSports um total de onze vezes (ver abaixo), entre personagens e cenário. Agora, nenhum banner aparece. Vale lembrar, porém: a Capcom Pro Tour acabou no último dia 16, então o fim da competição pode também ter uma influência na remoção do conteúdo patrocinado. Compare os exemplos a seguir:

A versão sem a publicidade… (Imagem: Divulgação/Capcom)
…e a versão com anúncio (Imagem: Divulgação/Capcom)
Contamos onze anúncios iguais nesta imagem: você consegue achar todos? (Imagem: Divulgação/Capcom)

As principais críticas giravam em torno do fato de que usuários eram “forçados” a ver os anúncios, considerando que pagaram US$ 60 pelo jogo, acusando a Capcom de dar a um jogo pago o mesmo tratamento de títulos free to play, onde comumente a prática é não cobrar pela aquisição de um jogo, mas exibir anúncios para compensar o faturamento.

Contudo, é quase certo que os anúncios vão retornar, não apenas com base na declaração de Ono-san, mas também pelo comportamento do jogo em si. Ao selecionar uniformes alternativos para os personagens (especificamente, as cores 3 a 10), o jogo pede que você escolha um entre dois esquemas de exibição publicitária, sem exibir nada na partida. Como a opção ainda está lá, é provável que as peças de advertising façam seu retorno — esperamos que de uma forma menos intrusiva, pelo menos.

Veja a matéria completa Canaltech



Os comentários estão desativados.