Cidade do Canadá nomeia seu mascote em homenagem a Elon Musk

Depois de mandar carros para o espaço, fabricar tijolos tipo LEGO, cavar túneis e construir lança-chamas, o magnata da tecnologia Elon Musk irá terminar o ano de 2018 servindo de inspiração para um mascote no Canadá.

A homenagem aconteceu na cidade de Yellowstone, que nomeou o mascote da cidade de Elon Muskox. Chamado em português de boi-almiscarado (musk, em inglês, é almíscar), o Muskox é um tipo de bovino-caprino nativo das regiões do Canadá, Alasca e Groenlândia e que, apesar de parecerem búfalos, possuem uma ancestralidade muito mais próxima das cabras do que dois bois.

A escultura do animal — que tem quase 3,5m de altura — está atualmente instalada na prefeitura de Yellowknife, cidade que possui cerca de 20 mil habitantes é a única de toda a região noroeste do Canadá. Fora da cidade, tudo o que existe são algumas vilas e acampamentos isolados.

O nome, sugerido pelo morador Eric Fuhrmann, foi o vencedor de uma votação entre os moradores da cidades, e saiu vencedor contra os também finalistas Me’die’ah (que na língua do povo esquimó quer dizer “aquele que tem uma barba”), Ethel (em homenagem a Ethel Blondin-Andrew, a primeira mulher de um povo nativo a ser eleita para o parlamento do Canadá), e Musky McMuskoxface.

Em entrevista para a BBC, a diretora de comunicação da prefeitura de Yellowknife, Stephanie Vandeputte, afirmou que pretende informar Elon Musk do novo nome de seu mascote, e até convidar o bilionário para vir conhecer o animal batizado em sua homenagem.

Veja a matéria completa Canaltech

Comentar com o Facebook



Os comentários estão desativados.