EA supostamente interessado em vender ou fundir

Artes eletrônicas
Imagem: Artes Eletrônicas

Fusões e vendas de grandes empresas de videogames terceirizadas se tornaram a última moda nos últimos anos e, de acordo com um novo relatório do site de notícias Puck, a Electronic Arts pode ser a próxima da fila.

Após a aquisição da Activision Blizzard pela Microsoft, a EA supostamente “tem sido persistente na busca de uma venda” – mantendo negociações com empresas como Apple, Disney e Amazon.

Ele supostamente conversou com a NBCUniversal também – com o CEO da Comcast, Brian Roberts, propondo uma fusão.

Acredita-se que as negociações tenham ocorrido ao longo de várias semanas entre advogados e banqueiros de ambas as partes, e isso teria visto a família Roberts assumir o controle majoritário da entidade combinada – supostamente com o CEO da EA, Andrew Wilson, no comando.

Desacordos sobre o preço e a estrutura da proposta supostamente levaram ao colapso dessa potencial fusão. Ambas as partes se recusaram a comentar o assunto, com a EA dizendo que não comentaria rumores e especulações.

A EA teria sido estimulada pela aquisição da Activision Blizzard pela Microsoft, e também é mencionado como a empresa preferiria manter Andrew Wilson como executivo-chefe se uma fusão ocorresse.

Como você se sentiria se a EA fosse comprada por outra empresa? Deixe seus próprios pensamentos abaixo.



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.