Stadia tornou muito mais fácil jogar a demo de Resident Evil Village

A Capcom lançou uma demo de Vila Resident Evil que é alimentado pela tecnologia de jogos em nuvem Stadia do Google, permitindo que as pessoas testem o jogo de terror em um navegador. Em um comunicado à imprensa, o Google diz que a ideia é permitir que as pessoas experimentem o jogo, independentemente do dispositivo que possuam. O jogo e sua demo já estavam disponíveis para assinantes do Stadia, mas agora qualquer pessoa pode experimentá-lo gratuitamente, desde que tenha um navegador compatível e uma conexão de internet mais rápida que 10 megabits por segundo. Você nem precisa de uma conta do Google; basta navegar até o site, digitar sua data de nascimento (a classificação M do jogo) e clicar no botão play.

Quanto à aparência da demonstração… você certamente obtém o que paga com a versão do navegador. Aqui estão algumas fotos de comparação com a versão Stadia da demo à esquerda e a versão PS5 à direita (a versão PS5 está rodando em 4K, a demo da Capcom atinge o máximo em 1080P).

As imagens da cena parecem relativamente semelhantes.

Quando se trata de jogabilidade, no entanto… para citar outro dos meus colegas de trabalho tentou a demo do Stadia: “apenas tentei. parece uma merda lol”

Como alguém que se preocupa principalmente com a história e a jogabilidade, admito que a demo fez seu trabalho de me informar o que Vila é sobre. E embora não seja tão agradável de se ver quanto a versão PS5, também não precisei gastar cerca de 10 minutos baixando 8 GB de dados para reproduzi-lo ou me preocupar com os recursos do seu computador – cliquei no botão e, em cerca de 90 segundos, estava jogando o jogo (e em três minutos, eu sabia que era muito assustador para eu gastar dinheiro). Com isso dito, a página de destino da demo avisa que jogá-la “pode usar uma grande quantidade de dados” dependendo de quanto tempo você a joga. (O limite de tempo de uma hora presente em outras versões da demonstração foi removido, embora o conteúdo da demonstração seja o mesmo, de acordo com o Google.)

Vila Resident Evil não é o primeiro jogo a receber o tratamento de demonstração do Stadia. A AT&T recentemente deu a seus clientes acesso a versões de streaming de Batman: Cavaleiro de Arkham e Controle Edição Ultimate por meio de uma versão de etiqueta branca do Stadia que era alimentada pela tecnologia do Google, mas tinha a marca da operadora. Embora o Google também permita que os assinantes do Stadia experimentem jogos, parece que o serviço tem mais futuro como um produto de marca branca que empresas como a Capcom podem usar para demonstrações, em vez de um serviço de jogos autônomo como o GeForce Now da Nvidia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.